As personagens Elis e Bárbara vão dividir com vocês suas aventuras e desventuras rumo ao equilíbrio das contas

As crenças que eu tenho e você tem

Compartilhar

Você já deu uma olhada nas crenças que tem sobre dinheiro e na relação delas com a forma com que você se relaciona com as suas finanças? Eu tenho feito isso.

Logo que começamos a fazer esse site, me dei conta que a forma com que lidamos com o dinheiro tem tudo a ver com quem somos, com nossa história pessoal, com como reagimos a aos acontecimentos de abundância ou escassez na nossa vida, com o que vimos nos nossos pais, com o que aprendemos nas instituições que frequentamos, com o quanto achamos que somos merecedores, com como o dinheiro nos foi apresentado na vida, com o que queremos dizer ao mundo por meio dele.

Acho que muitas desses conceitos e impressões estão tão arraigados que mudar a forma de ver o dinheiro e de cuidar dele implica mais que uma simples decisão. Implica olhar para a nossa história e refazer conceitos, talvez perdoar, às vezes relevar, deixar de lado, mudar de lugar. Se a questão é grave e modificar a história com dinheiro é importante, há ajuda profissional, inclusive psicológica.

Estou construindo a minha resposta. Mas pensei em lançar aqui algumas perguntas: Você se acha merecedora de muito dinheiro ou suas decisões financeiras sempre trazem problemas para você? O que você viu nos seus pais na relação com o dinheiro e como reagiu ao que percebeu? Ouviu muito que dinheiro é bom ou ouviu mais que ele traz desgraça? Com quais ricos você se deparou e como os percebeu? Em que lugar você coloca o dinheiro na sua vida e o que ele simboliza para você?

E deve existir uma pergunta que é só sua. Eu a procuraria.

Beijins,

Elis

 

Foto: www.freedigitalphotos.net

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Faça uma simulação para juntar seu primeiro milhão ou quanto suas economias irão render.
Poupadoras.com
Um site de finanças pessoais
para dividir experiências
sobre o dinheiro
  • Assine nosso feed