Você envia suas dúvidas para nós e elas serão respondidas por um especialista!

'Não fico no vermelho, mas também não poupo'

Compartilhar

Acompanho o blog e hoje consigo ter uma vida financeira mais tranquila e no azul, mas sei que preciso poupar para conseguir comprar uma casa, um carro ou fazer um intercâmbio, e no ritmo em que eu vou, não fico no vermelho, mas também não poupo, fica muito difícil. Tenho poupança programada, mas sempre saco o dinheiro. Estou pensando em comprar um título de capitalização para me forçar a poupar. Tenho lido várias opiniões contra esses títulos, mas acredito que seja melhor poupar, mesmo que os juros sejam quase nulos, do que não poupar. O que vocês me aconselham? Grata. Marcela.

 

Marcela, você já está no caminho certo por conseguir controlar seu orçamento no mês a mês. No entanto, como você mencionou, é fundamental desenvolver o hábito de poupar. Não há o melhor investimento para lhe aconselharmos, mas sim as opções mais adequadas de acordo com seus objetivos. Inicialmente, é muito importante você constituir o que chamamos de reserva de segurança, que é um valor capaz de cobrir de três a seis meses das suas despesas fixas, como aluguel, financiamentos, supermercado, entre outros. Esse valor deve ser alocado em investimentos seguros e com alta liquidez, como CDB ou títulos públicos do tipo Tesouro Selic.

Depois de constituir a reserva de segurança é preciso construir uma carteira de investimentos alinhada com os objetivos de curto, médio e longo prazo. Por exemplo, se você deseja guardar dinheiro para dar entrada em um imóvel em dois anos, não faz sentido colocar todo o seu dinheiro em títulos públicos com vencimento para 15 anos.

O título de capitalização não é considerado como um investimento, pois sua remuneração é muito inferior a outras opções encontradas no mercado, chegando a ser negativa dependendo do prazo em que o resgate é solicitado. Comprar títulos de capitalização apenas para forçar o desenvolvimento do hábito de poupar pode gerar um alto custo com o passar dos anos, pois com um planejamento financeiro adequado e disciplina é possível obter ganhos incrivelmente superiores. Por fim, a ideia de realizar aplicações programadas não é exclusividade dos títulos de capitalização. Existem outras opções de investimentos nos quais isso também é possível, como fundos de investimentos, títulos do tesouro, CDB, entre outros. 

Annalisa Blando Dal Zotto, CFP® 
Diretora geral da Par Mais, empresa de consultoria e planejamento financeiro

 

Faça uma simulação para juntar seu primeiro milhão ou quanto suas economias irão render.
Poupadoras.com
Um site de finanças pessoais
para dividir experiências
sobre o dinheiro
  • Assine nosso feed